top of page
Buscar

Qual a diferença entre Follow on e Subscrição?

Atualizado: 7 de set. de 2023

Olá, tudo bem? Nesse post vou falar sobre dois tipos de operações conhecidas dos investidores que podem gerar dúvidas na hora de escolher: a subscrição e o follow-on. Você sabe qual é a diferença entre eles? Ao final desse texto você saberá diferenciar uma da outra e poderá tomar melhores decisões financeiras.





O que é subscrição?

A subscrição é um direito que os acionistas de uma empresa têm de comprar novas ações emitidas pela mesma empresa, antes que elas sejam vendidas para o público em geral. Isso significa que, se a empresa quer aumentar seu capital, ela pode emitir mais ações e oferecer aos seus acionistas atuais a chance de comprar essas ações com um preço mais baixo. Assim, os acionistas podem manter ou aumentar sua participação na empresa.


O que é follow-on?

O follow-on é uma espécie de oferta pública de ações (IPO) feita por uma empresa que já tem suas ações negociadas na bolsa de valores. O objetivo do follow-on é captar mais recursos para a empresa, seja para investir em projetos, pagar dívidas ou expandir seus negócios. O follow-on é diferente do IPO inicial, pois a empresa já tem um histórico de mercado e uma reputação entre os investidores.


Quais são as diferenças entre subscrição e follow-on?

A principal diferença entre subscrição e follow-on é que a subscrição é um direito dos acionistas atuais da empresa, enquanto o follow-on é uma oferta aberta para qualquer investidor interessado (Follow on público) ou até mesmo para um grupo restrito de investidores (Follow-on restrito) Além disso, a subscrição geralmente oferece um desconto no preço das novas ações, enquanto o follow-on segue o preço de mercado. Outra diferença é que a subscrição pode diluir o valor das ações existentes, pois aumenta o número total de ações em circulação, enquanto o follow-on pode valorizar as ações existentes, pois mostra que a empresa está crescendo e se fortalecendo.


Qual a diferença entre Follow on e IPO?

O IPO, ou oferta pública inicial, é o momento em que uma empresa abre o seu capital e passa a ter as suas ações negociadas na bolsa pela primeira vez. Isso significa que a empresa deixa de ser privada e passa a ter sócios vindos do mercado, que podem comprar e vender as suas participações. O IPO envolve uma série de etapas, como a definição do preço das ações, a escolha dos bancos coordenadores e a divulgação do prospecto. Além disso, o IPO costuma ser mais complexo e demorado do que o follow-on, pois envolve mais etapas e exigências.


Já o follow-on, ou oferta subsequente, é quando uma empresa que já fez o seu IPO decide emitir mais ações, seja para aumentar o seu caixa, seja para permitir que os seus acionistas vendam parte ou toda a sua fatia. O follow-on pode ser primário, quando as novas ações são emitidas pela empresa, ou secundário, quando as ações são vendidas pelos sócios. O follow-on também requer a elaboração de um prospecto e o cumprimento de algumas regras da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).


Como escolher entre subscrição e follow-on?

Para escolher entre subscrição e follow-on, é preciso levar em conta o perfil do investidor, seus objetivos e sua tolerância ao risco. A subscrição pode ser uma boa opção para quem quer aumentar sua participação na empresa e aproveitar um preço mais baixo. Além disso, o direito de subscrição permite que você não seja diluído dentro da empresa, já que emissões subsequentes de ações podem reduzir o seu percentual de participação na companhia.


Já o follow-on pode ser uma boa opção para quem quer diversificar sua carteira e apostar em uma empresa consolidada no mercado. Em ambos os casos, é importante analisar as perspectivas da empresa, seu desempenho financeiro e seu potencial de crescimento. Também é recomendável buscar orientação de um profissional especializado antes de tomar qualquer decisão.


Espero que você tenha gostado deste artigo e que ele tenha te ajudado a entender melhor a diferença entre subscrição e follow-on. Se você gostou, compartilhe com seus amigos e deixe seu comentário abaixo. Até a próxima!


Caso ainda tenha dúvidas envie uma mensagem para mim: paulo@fortcapital.com.br


387 visualizações1 comentário
bottom of page