top of page
Buscar

O que é o CDI e qual o seu impacto nas nossas finanças

Atualizado: 17 de set. de 2021


Se você já investe ou está começando a investir certamente já deve ter ouvido falar de algumas das siglas da sopa de letrinhas do mercado financeiro. No início, quanto dei meus primeiro passos no mundo dos investimentos, pareceu um pouco difícil conhecer todas elas. Saiba que entender estas siglas pode te ajudar a ter melhores resultados nos seus investimentos.

CDI (Certificado de depósito interbancário) é uma das siglas mais populares do mercado financeiro, vamos entender neste texto por que ela é tão importante.

O que é o CDI?

Podemos definir o CDI como o custo do dinheiro nas transações entre os bancos. O CDI se origina das taxas médias cobradas pelos bancos para emprestar dinheiro uns para os outros.


Sim, os bancos também emprestam dinheiro entre si. Geralmente para cobrir uma necessidade de curto prazo, e fechar com o saldo positivo dentro das normas, os bancos fazem estes empréstimos e desta forma o CDI é calculado.


Ou seja: o CDI é uma taxa que reflete o quanto os bancos estão ganhando de juros por emprestar dinheiro para outros bancos

Para que serve o CDI?

O CDI é uma taxa referencial muito utilizada para a remuneração de títulos de renda fixa, como CDBs (certificado de depósito bancário), que é o título de renda fixa emitido pelo banco. Quando o banco emite uma dívida, como um CDB, por exemplo, ele precisa fixar a remuneração em uma taxa referencial, e geralmente a taxa utilizada é o CDI.

Como funciona?


Para entender o que é CDI precisamos ter em mente que ele é uma taxa diária, calculada pela B3 a partir das operações que foram feitas no dia. Com as taxas diárias, é calculada uma média mensal e anual do CDI – elas são as consideradas para o rendimento de investimentos.


Um cidadão comum não pode investir diretamente no CDI – mas os bancos e instituições financeiras usam a Taxa CDI para regular quanto rendem alguns tipos de investimento.


Existem diferentes tipos de investimento no mercado, mas os de renda fixa podem ser divididos em duas categorias:


  • Pré-fixado: são aqueles em que a taxa de rendimento já é estipulada na hora que o cliente escolhe aquela aplicação;


  • Pós-fixados: são aqueles definidos no vencimento da aplicação, por um índice de referência. Para compreender o que é CDI é importante ter em mente que essa taxa representa justamente um dos principais índices de referência para alguns investimentos de renda fixa (veja mais sobre eles abaixo).

Exemplo:

Imagine que você está buscando alternativas de investimento em renda fixa, e o seu banco te oferece um CDB pagando 100% do CDI.

Se o CDI no momento for (4%) ao ano, significa que você será remunerado em 100% desta taxa. Todas as oscilações do CDI serão sentidas nos seus investimentos atrelados a ele. Por exemplo, se o CDI cair de 4% para 3%, significa que a sua remuneração também terá uma queda de 1% ao ano, nos casos onde você tem a remuneração de 100% do CDI.

Conhecer os indicadores do mercado financeiro ajuda e muito para que você invista bem. O CDI é a taxa referencial mais utilizada por bancos para captar dinheiro através da emissão de títulos de dívida. O CDI geralmente é um pouco menor que a taxa SELIC, que é a taxa básica de juros da nossa economia.


Este conteúdo faz parte da missão da Fort Capital de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece a Fort Capital? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.




48 visualizações0 comentário
bottom of page